Message



Finalistas da licenciatura em Psicopedagogia

ISCIA forma primeiros Psicopedagogos


Publicado a: 4 Julho 2014

O ISCIA acaba de formar os primeiros licenciados em Psicopedagogia do País. Neste mês de julho os estudantes desta licenciatura concluem o percurso de três anos, dando assim corpo a um projeto em que o ISCIA é pioneiro.

Esta licenciatura, que conta, entre outras, com a particularidade da realização de estágios em cada um dos seis semestres do Curso, cria competências para que os recém-licenciados possam exercer funções em escolas - atuando nas relações da estrutura funcional escolar com o aluno, na relação inter docentes e na resolução de dificuldades de aprendizagem; na Comunidade e Autarquias - em instituições ligadas aos serviços jurídicos (por exemplo, ajuda na reinserção social de ex-reclusos, projetos reeducativos intra prisionais), em Instituições de solidariedade social (lares de idosos, casas-abrigo de mães solteiras, orfanatos, projetos para os sem-abrigo, para prostitutas; acompanhamento vocacional), em Instituições de saúde (hospitais gerais e especializados, centros de saúde, clínicas, casas de saúde, serviços de reabilitação, serviços médicos privados e empresariais, educação para a saúde, ensino de medidas de reabilitação); e na família - intervindo na mediação nas crises Psicopedagogia da família.

Este curso é ministrado por profissionais e especialistas nacionais reconhecidos internacionalmente nas diferentes áreas da psicologia, educação e Psicopedagogia

A parte prática do curso, os estágios, foram assegurados por instituições e empresas da região, todos protocolados com o ISCIA, e foram supervisionados por orientadores quer do Instituto, quer das entidades que acolheram os estudantes, com o controlo dos coordenadores de Curso e do Departamento de Psicologia do ISCIA (PSIED), o que reforçou, não só o rigor necessário à análise e implementação dos projetos como também constituiu uma mais-valia para as empresas e instituições.

O balanço, segundo os coordenadores de Curso e do PSIED, é extremamente positivo, assegurando que está a formar profissionais que vêm preencher uma lacuna existente na nossa sociedade em conformidade com o crescente interesse pela área.


Partilhe nas suas redes sociais:

Próximos Eventos


Topo