Message

Curso de Verão

Topo
Formação Continua

Teatro Aliado às Práticas Educativas

Departamento de Psicologia e Educação

Coordenação

Vitor Reis

O teatro tem uma importância fundamental na escola e na educação. Os procedimentos metodológicos das artes cénicas são um importante recurso didáctico, potenciador de uma acção integrada e vivenciada, motivadora e facilitadora da aprendizagem, que recorre a uma linguagem pluridisciplinar capaz de contribuir na assimilação e compreensão de outros conteúdos, além de possibilitar o desenvolvimento das capacidades expressivas do educando. Mais que a possibilidade de tornar a aula mais lúdica e participativa, o desafio consiste em o professor criar um espaço/tempo de conhecimento, de reflexão, de motivação, de inclusão, de criação e de humanização, que permita aos alunos construir um crescimento cultural que ultrapasse a sala de aula e a escola.  

DESTINATÁRIOS DA ACÇÃO 
• Docentes de todos os grupos de recrutamento, independente da área do conhecimento

ACREDITAÇÃO

CCPFC/ACC100725/18

DURAÇÃO

25 horas

METODOLOGIA DA AÇÃO
Exposição oral:  Abordagem conceitual dos princípios que irão orientar o trabalho; 
Atividades práticas:  Visto que algumas conceituações dependem de exemplos da prática que as explica e fomenta. 
 
As sessões de formação estão desenhadas no sentido de englobarem uma componente teórica, através do método expositivo, seguida e/ou intercalada de atividades práticas, que irão contar com trabalhos individuais e de grupo e, posterior reflexão partilhada entre todos os participantes. 

Modalidade

Presencial

Objetivos

OBJECTIVOS GERAIS: 
 
• Levar os professores a tomar conhecimento de procedimentos técnico/artísticos das artes cénicas; • Estimular e explorar o potencial criativo dos professores. 
 
OBJETIVOS ESPECÍFICOS:
 
• Desenvolver a consciência, o autoconhecimento, a autoexpressão e o autodomínio do movimento;  

• Desenvolver a espontaneidade, a desinibição corporal, a percepção, a atenção, a concentração e a imaginação para a criação corporal;

• Desenvolver a livre improvisação, a espontaneidade e o sentido de ação e de jogo;  

• Elaborar e discernir os elementos que caracterizam o personagem e a cena;

• Proporcionar uma maior liberdade e condições para o fazer teatral;

• Desenvolver a participação, a iniciativa e o comportamento responsável dentro de uma atividade grupal. 

Plano Curricular

1 – Acolhimento e Contextualização (2h)

Apresentação dos formandos, do formador e do curso.  

Contextualização da temática.  

Negociação dos critérios de avaliação e tarefas a desenvolver. 
 
2 – Expressão corporal (10h)

Procedimentos de aquecimento, alongamento, relaxamento e massagem corporal.

Técnicas de Integração Postural.

Presença corporal (passividade ativa, estado de prontidão, estado de alerta); dinâmicas do movimento (movimentos articulares, projeções do corpo, apoios, relação de peso e leveza, resistência, oposição corporal), espaço, planos, ritmo, impulso.

Expressividade corporal de sentimentos e conflitos.

Preparação de cenas corporais. 
 
3 – Improvisação teatral (7h)

A improvisação como arte autônoma e como acessório da interpretação.

Criação de personagens e elaboração de cenas a partir dos jogos teatrais.

Elementos fundamentais da cena: espaço, relação, intenção, objetividade, adaptação, improvisação, desenvolvimento, solução de situações dramáticas. 
 
4 – Interpretação teatral (4h)

Construção da personagem: partitura do papel.

Ação Física.

Elementos do estado interior: o “se” mágico, circunstâncias dadas, imaginação, concentração da atenção, memória emotiva, objetos e suas unidades, adaptação, comunhão, sentimento de verdade. 
 
6 – Disposições Finais (2h)  

Avaliação da eficácia da Formação.  

Auto e hetero-avaliação dos formandos, do formador e da ação.

Reflexões finais.

Requisitos de Acesso

Ser educador(a) de infância e professor(a) do ensino básico e secundário.  

Informação Prática

Horário

A definir em função dos alunos inscritos

Duração do curso: de 23 a 27 de julho

Vagas

20

Propinas

€ 100,00 valor único

Candidatura

Candidaturas abertas - Início a 23 de julho


SOBRE O FORMADOR

Ator, Diretor e Professor de Artes Cênicas. Doutor em Estudos Culturais pela Universidade de Aveiro (UA), mestre em Artes Performativas/Teatro do Movimento pela Escola Superior de Teatro e Cinema de Lisboa (ESTC) e licenciado em Artes Cênicas pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP). Sempre vinculado a projetos de grande relevância artística e de caráter sociocultural, Klaas Kleber vem realizando, no decorrer de sua carreira profissional, um efetivo trabalho como encenador, preparador de atores e arteeducador. Entre os projetos por si executados destacam-se: Cursos de capacitação em Teatro Educação, orientados a docentes do ensino fundamental, do ensino médio e da educação especial; Festivais Estudantis de Teatro, voltados para a comunidade escolar; Mostras de Cenas Curtas, destinadas aos atores amadores e profissionais de carreira; Projetos Artísticosociais, direcionados para as comunidades de baixa renda. 
 
Registo Formador: CCPFC/RFO-38945/18 
 
Áreas e Domínios de Formação: A 163 – Teatro

INSCRIÇÕES


Partilhe nas suas redes sociais:

Topo